www.portalcarangola.com

O primeiro portal de notícias de Carangola-MG e região.

Portal Carangola

O 1º site de notícias de Carangola e Região

Projeto da Emater-MG garante 50% de desconto em análises de amostras de solo em Carangola

Agricultores de Carangola, na Zona da Mata mineira, estão tendo 50% de desconto na realização de exames de amostras de solo. A iniciativa é garantida pelo Projeto de Incentivo às Análises de Solo, idealizado pela Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG), órgão vinculado à Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa). O benefício foi implantado há três anos em parceria com a prefeitura.

De acordo com o extensionista da Emater-MG local, Amarildo Silveira, além de incentivar a correção dos solos, o projeto garante mais economia nos custos de produção e tem impacto positivo na produtividade e qualidade dos produtos rurais. “Até o momento, já foram beneficiados cerca de 100 produtores, que no total coletaram, em média, 315 amostras”, informa.

Segundo Silveira, a prefeitura adquiriu quatro sondas para coleta do solo, que são disponibilizadas aos produtores. Cada produtor se encarrega de colher suas próprias amostras, e posteriormente, repassar o equipamento para outro vizinho usar. Após todas as coletas, as amostras são enviadas para um laboratório conveniado, que fica no município de Manhuaçu. Cada exame sai por R$ 8. Sem o projeto sairia a R$ 16, cada amostra.

Todo o processo é ensinado pelos extensionistas da Emater-MG, que fazem demonstrações técnicas e distribuem folhetos informativos nas 14 comunidades do município. Amarildo Silveira garante que antes da iniciativa as reclamações de problemas ocasionados pela análise da mostra eram constantes. “Os produtores pagavam e não recebiam os resultados corretamente. Isso acabava causando desinteresse”, afirma.

O cafeicultor Marcos José Lopes, da comunidade Conceição, participa desde o início do projeto. No total, ele diz que já mandou para exame cerca de 12 amostras, com uma média de quatro a cada ano. Além da economia no orçamento familiar, ele garante que a qualidade da produção também aumentou, após as correções feitas no solo. “Com o resultado da análise de solo temos mais segurança no plantio, pois podemos implantar medidas para corrigir”, explica.

 

Produtor colhendo amostra de solo

Assessoria de Comunicação da Emater-MG

Núcleo de Imprensa

Ofertas

 


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.