Site icon Portal Carangola

Ministério Público Estadual obriga a prefeitura de Carangola a distribuir repelentes

O Ministério Público Estadual (MPE) condenou na tarde da última quarta-feira, a prefeitura municipal de Carangola a distribuir semanalmente, de maneira gratuita para toda população, 100ml de repelente para o mosquito Aedes Egipty.

O não cumprimento da exigência estadual ocasionará multa diária de dez mil reais para o município, e a divulgação da distribuição dos repelentes será feira em rádios, carros de som e cartazes. Segundo estimativa do MPE, cerca de 20% da população, ou seis mil habitantes estão infectados pelo vírus, e três morreram por dengue hemorrágica em período inferior a um mês.

Fonte: Portal Click

Ofertas


Sair da versão mobile