www.portalcarangola.com

O primeiro portal de notícias de Carangola-MG e região.

Portal Carangola

O 1º site de notícias de Carangola e Região

Militares suspeitos por assassinato em Cataguases são presos em Caratinga e passam por Muriaé.

Dois policiais militares reformados – um tenente e um sargento – presos em Caratinga, acusados pela morte de um comerciante em Cataguases, estiveram em Muriaé, na noite passada (8), de onde seguiram em uma viatura da Polícia Militar para a cidade de Leopoldina.
Os suspeitos foram presos na manhã de ontem (8), por policiais civis de Cataguases que investigam o caso, e após prestarem depoimento em Leopoldina, seriam levados para Juiz de Fora.
O crime aconteceu no dia 22 de abril. A vítima, José Divino de Aredes de 48 anos era natural de Miradouro e morou em Muriaé por muitos anos, onde atuou como comerciante na região central da cidade. Ele foi executado a tiros, dentro de seu supermercado, no Bairro Pampulha, em Cataguases e chegou a ser socorrido, mas morreu assim que deu entrada no hospital.
Segundo a Polícia Civil, os militares passaram a ser considerados suspeitos a partir de levantamentos que apuraram que luvas descartáveis, encontradas pela PM, durantes os rastreamentos após o assassinato, haviam sido compradas em uma loja em Caratinga.
Pelo código de barras da embalagem das luvas foi possível descobrir o horário exato da venda e as imagens do circuito interno da loja mostram os dois homens comprando o produto.
O motivo do crime ainda não foi esclarecido, mas uma das hipóteses seria um desentendimento anterior, já que um dos suspeitos é natural de Miradouro, assim como a vítima.
As investigações prosseguem e a Polícia tenta descobrir se outras pessoas estão envolvidas no crime.


Fonte : Rádio Muriaé

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.