www.portalcarangola.com

O primeiro portal de notícias de Carangola-MG e região.

Portal Carangola

O 1º site de notícias de Carangola e Região

Funcionários do serviço de abastecimento de água participam de curso sobre proteção de nascentes em Carangola.

O curso de Recuperação e Proteção de Nascentes oferecido pelo Sistema FAEMG/SENAR/INAES em parceria com o Sindicato dos Produtores Rurais da Comarca de Carangola reuniu produtores e funcionários do Serviço Municipal de Saneamento Básico e Infraestrutura (SEMASA) responsável pelo abastecimento de água do município. O curso aconteceu no Rancho Gratidão.

Para o técnico do SEMASA, Deybre Barbosa a formação foi valiosa e vai colaborar na observação, quantificação e intervenções necessárias nascentes do município, principalmente as que fazem parte do sistema que abastece Estação de Tratamento de Água (ETA) localizada em um distrito de Carangola.  “No curso conhecemos tipos e formação de nascentes levando em consideração as diferentes topografias e aprendemos sobre a importância de preservar a vegetação do entorno”.

Na oportunidade, os participantes realizaram ações conservacionistas de reflorestamento com espécies nativas da Mata Atlântica como ipês e jatobás e algumas árvores frutíferas como mangueiras, mamoeiros e goiabeiras.

O instrutor Eduardo Elias Silva do Santos explica que o plantio de espécies frutíferas atrai a fauna, e a presença de animais silvestres e pássaros colabora no processo de recuperação “Vindo em busca dessas frutas os animais trazem sementes de mata nativa e vão ajudar a dispersá-las na região da Área de Proteção Permanente (APP)”, completou.

Durante o curso também foi feito um cordão de contenção que auxilia na retenção e penetração da água das chuvas no solo, o cercamento que impede o gado de transitar nas proximidades da nascente e uma análise da água feita pelos funcionários Serviço Municipal.

Ganho para a população 

Eduardo Elias destaca que esse treinamento é significativo para toda a sociedade, e que a participação de profissionais ligados ao monitoramento, tratamento e distribuição da água é um ganho para a população. “Essa iniciativa torna acessível as discussões e ações para que todas as pessoas possam compreender a importância dos cuidados para garantir água em quantidade e qualidade adequada”, ressaltou.

A mobilizadora do Sindicato, Fernanda Azevedo também destacou o papel de multiplicadores que os técnicos do SEMASA e os produtores rurais que participaram do curso poderão assumir depois do treinamento. “Foi um curso muito interessante e todos podem levar esse conhecimento para as comunidades que ajudam a abastecer a cidade”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.