Vasco desiste das semifinais da Taça Guanabara

robertoA diretoria do Vasco desistiu de se beneficiar da decisão do Ministério Público, que, por intermédio do Tribunal Regional do Trabalho, devolveu os seis pontos perdidos pelo clube por causa da punição aplicada pelo Tribunal de Justiça Desportiva do Rio de Janeiro (TJD-RJ). A diretoria cruzmaltina achou melhor não se arriscar em disputar as semifinais da Taça Guanabara, primeiro turno do Campeonato Carioca, e acabar sofrendo maiores punições futuras por causa da escalação irregular do meia Jéferson.
Na manhã desta sexta-feira, em entrevista ao programa Redação Sportv, o presidente Roberto Dinamite já acenava com essa possibilidade. Agora, o que a cúpula cruzmaltina ainda não informou é se dará prosseguimento ao recurso no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). Em seu site oficial (www.crvascodagama), o dirigente soltou um comunicado explicando a decisão.
Dessa maneira, as semifinais da competição seguem mantidas: Flamengo x Resende, no sábado, além de Botafogo x Fluminense, na Quarta-Feira de Cinzas. Todas as partidas serão realizadas no Maracanã.
“A nossa intenção é fazer sempre as coisas de maneira muito clara. Vamos tomar uma decisão ainda hoje, mas a tendência é que seja para dar continuidade ao Campeonato Carioca, onde o Vasco lutou para permanecer. Se houve erros, não foi nosso. Se o Vasco ficar de fora, é em benefício ao futebol do Rio. Mas ainda vamos tomar essa decisão”, disse Dinamite.

A cúpula do clube reconhece que o único órgão capaz de julgar com competência as questões relacionadas ao Campeonato Carioca é mesmo o Tribunal de Justiça Desportiva do Rio de Janeiro (TJD-RJ), entidade que puniu e não acatou o recurso do Vasco nesta semana. Na noite desta última quinta-feira, o Tribunal do Trabalho deu ganho de causa ao clube de São Januário e o colocou nas semifinais da Taça Guanabara na vaga do Resende.

Ao tomar conhecimento dessa decisão, o presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva, Rubens Approbato, afirmou que levaria o caso do Vasco à Fifa e ao Supremo Tribunal de Justiça Desportiva. Uma possível punição por parte dessas entidades poderia fazer com que o Gigante da Colina fosse excluído de todas as competições até o final desta temporada.

O caso do meia Jéferson começou depois que o Brasiliense, clube pelo qual o jogador passou antes de defender o Santo André em 2008, exigiu que ele retornasse por descumprimento de contrato. O atleta deixou o clube do Distrito Federal por causa de problemas relativos ao pagamento de salários atrasados. A diretoria do Vasco foi notificada um dia antes da estreia no Carioca, mas conseguiu uma liminar na Justiça Comum que assegurou a escalação de Jéferson. Na partida contra o Americano, em São Januário, o Vasco foi derrotado por 2 a 0.

Ofertas: bolascamisas do seu time

Sobre o Autor

has written 4495 stories on this site.

Webmaster do Portal Carangola. admin@portalcarangola.com

Escreva seu comentário

Gravatar são pequenas imagens que podem mostrar sua personalidade. Você porde pegar o seu gravatar grátis!

Seu nome e email serao checados,se não forem validos, seu comentário não será publicado

Seu email será CHECADO mas não será divulgado

Copyright © 2020 Portal Carangola . All rights reserved. Powered by Webmaster webmaster@portalcarangola.com