Sobe para 12 o número de cidades em situação de emergência no Rio

itaperuna-rjSubiu para 12 o número de cidades em situação de emergência no Rio neste sábado. Em Cardoso Moreira, a Defesa Civil confirmou estado de calamidade.

As informações foram divulgadas neste sábado pelo comandante da Defesa Civil do norte e noroeste do Estado, coronel Moacir Pires Santana, que listou os municípios em situação de emergência: Porciúncula, Natividade, Laje do Muriaé, Itaperuna, Santo Antônio de Pádua, Aperibé, São Fidélis, São João da Barra, Cambuci, Italva, Bom Jesus de Itabapoana e Campos dos Goytacazes –onde três crianças morreram afogadas nesta sexta-feira (19).

O governador Sérgio Cabral (PMDB) anunciou hoje um plano de mobilização para ajudar as vítimas dos municípios do norte e noroeste do Estado do Rio, regiões mais atingidas pelas chuvas.

O plano prevê o envio para a região de uma equipe da Secretaria de Governo especializada em lidar com situações de emergência. Treinada pela Defesa Civil, a equipe já atuou em Campos dos Goytacazes e Rio Bonito, duas das primeiras cidades a decretar situação de emergência.

A Secretaria Estadual do Ambiente coordena a implosão de diques irregulares, que estariam impedindo o escoamento de águas da Lagoa Feia, em Campos, e acelerando o alagamento de alguns municípios. Outras secretarias também analisam medidas urgentes.

Em nota, o governador Sérgio Cabral informou que a Vigilância Sanitária também está na região, fazendo uma avaliação epidemiológica e vai determinar a necessidade de imunização da população e o uso de antibióticos. Ele também disse que prepara um decreto de situação de emergência para alguns municípios e uma avaliação da situação de calamidade em outros.

Cabral também pede ao governo federal 10 caminhões próprios para áreas alagadas e 10 barcos. Os veículos vão ajudar, principalmente em cidades isoladas como Cardoso Moreira. O ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima, havia determinado ontem (19), “o apoio necessário” ao Estado. De imediato, liberou do estoque, no Rio, cestas de alimentos, colchões, cobertores, travesseiros e mosquiteiros.

A Defesa Civil estadual contabiliza cerca de 50 mil desabrigados em 15 municípios e, pelo menos, três vítimas fatais. Para socorrer as vítimas, um avião da Força Aérea Brasileira (FAB) deveria ter saído na tarde de hoje da capital fluminense, levando cestas básicas, água potável e produtos de higiene, mas sofreu uma pane e não tem previsão de partida.

No momento, quatro helicópteros, oito barcos e 350 homens do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil ajudam os desabrigados.

Sobre o Autor

has written 4500 stories on this site.

Webmaster do Portal Carangola. admin@portalcarangola.com

Escreva seu comentário

Gravatar são pequenas imagens que podem mostrar sua personalidade. Você porde pegar o seu gravatar grátis!

Seu nome e email serao checados,se não forem validos, seu comentário não será publicado

Seu email será CHECADO mas não será divulgado

Copyright © 2020 Portal Carangola . All rights reserved. Powered by Webmaster webmaster@portalcarangola.com