Parques Estaduais do Ibitipoca e Serra do Brigadeiro são opções para o feriado

Para aproveitar o feriado nacional no próximo dia 12 de outubro e fugir da estressante rotina do dia a dia, o ideal é programar passeios que estimulem o descanso e a tranquilidade. Desta forma, nada melhor que ir em busca de belas paisagens, natureza exuberante e aventuras inesquecíveis. E os Parques de Ibitipoca e Serra do Brigadeiro, localizados na Zona da Mata, oferecem tudo isso.

De acordo com o secretário de Estado de Turismo, Agostinho Patrus Filho, o objetivo da Setur é fazer com que o mineiro possa aproveitar um dia de folga no meio da semana para fazer o turismo regional. “Feriados são ótimas oportunidades para o descanso e o lazer e, ainda, a prática da atividade turística movimenta a economia dos municípios, gerando renda para as comunidades”, destaca.

O Parque Estadual da Serra do Brigadeiro ocupa o extremo norte da Serra da Mantiqueira, abrangendo os municípios de Araponga, Fervedouro, Miradouro, Ervália, Sericita, Pedra Bonita, Muriaé e Divino. A unidade de conservação tem 14.984 hectares, onde predominam a Mata Atlântica, montanhas, vales, chapadas, encostas além de diversos cursos d’água. O Parque abriga vários Picos: o do Soares (1.985 metros de altitude), o Campestre (1.908 m), o do Grama (1.899 m) e o do Boné (1.870 m).

A infra-estrutura do Parque é composta por centros de pesquisa, posto da polícia ambiental, laboratórios, alojamentos para pesquisadores, Centro de Visitantes e de Administração e residências. A sede da ‘Fazenda Neblina’, antiga construção colonial, onde hoje se localiza o Parque, foi reformada e transformada em casa de hóspede.

O Parque não possui área de camping e a visitação deve ser feita no período diurno. O horário de funcionamento é das 07 às 17 horas.

O telefone para contato é (32) 3721-7491. Consulte a administração antes de visitar os atrativos do Parque.

Como chegar

O acesso mais utilizado é pela cidade de Araponga (a estrada não é pavimentada). O Parque fica entre os municípios de Araponga e Fervedouro. Saindo de Belo Horizonte, seguir pela BR 040, no sentido do Rio de Janeiro, até a BR 356 (rodovia dos Inconfidentes), sentido Ouro Preto. Seguir pela MG 262 até o município de Ponte Nova e entrar na BR 120, sentido Viçosa. Em Viçosa, no trevo para Ubá, pegar o acesso para São Miguel do Anta e, depois, pela BR 482 até Araponga. A partir daí, seguir por 11 km de estrada de terra até a ‘Portaria Araponga’ do Parque. A partir de Viçosa, a estrada está bem sinalizada.

Outro acesso para o Parque, chegando pela Portaria Pedra do Pato, é pelo município de Fervedouro que fica a 27,7km (a estrada não é pavimentada). No período das chuvas as estradas de acesso ao Parque tornam-se escorregadias, sendo recomendável o uso de veículo tracionado. O parque fica a 290 km de Belo Horizonte.

Ibitipoca

Ponte de Pedra, Janela do Céu, Gruta dos Três Arcos, Pico do Pião, estes são apenas alguns dos atrativos do Parque Estadual do Ibitipoca, o mais visitado em Minas Gerais. Entre mirantes, grutas, praias, piscina natural, cachoeiras e picos, o turista pode se deliciar com paisagens incríveis nos 1488 hectares que o Parque possui.

Abriga córregos e riachos, que concentram a maior parte de seus atrativos, incluindo piscinas naturais e cachoeiras. A correnteza forte chega a fazer escavações nas rochas e forma passagens subterrâneas, como a Ponte da Pedra. É necessário entrar em contato com a Administração do Parque e se informar sobre quais atrativos estão abertos à visitação, onde se podem praticar as atividades: Banhos na Natureza, Cavernismo, Festas Folclóricas, Observação da Fauna e de Flora, Trekking, Turismo Fotográfico, Vista Panorâmica.

Os Ribeirões do Salto e Vermelho e o Córrego do Monjolinho formam belas cachoeiras e piscinas naturais. Com 1.784 metros de altitude, o pico da Lombada oferece uma vista panorâmica inigualável. A fauna é rica, com a presença de espécies ameaçadas de extinção, como a onça parda, o lobo guará e o primata guigó. Diversas espécies da flora são encontradas na unidade de conservação. Um traço marcante da vegetação no Ibitipoca são as “barbas-de-velho”, uma espécie de líquen verde-água, que pende dos galhos das árvores, provocando um belo efeito visual.

O Parque possui uma ótima infra-estrutura de apoio aos visitantes, composta de estacionamento, lanchonete, centro de visitantes, anfiteatro e área de camping – as reservas devem ser feitas com antecedência. A grande procura ocasionou a limitação do número de visitas pelo Instituto Estadual de Florestas (IEF). Atualmente, o número está limitado a 300 pessoas, de segunda a sexta-feira, e 800 por dia nos sábados, domingos e feriados. Por isso, é possível encontrar algumas trilhas fechadas à visitação. O horário de funcionamento é das 08 às 17 horas. Quem quiser entrar em contato pode ligar no (32) 3281-1101. O parque fica a 241 km de Belo Horizonte.

Como chegar

Seguir em direção a Juiz de Fora pela BR-040 e entrar no trevo de acesso à BR267, prosseguindo em direção a Lima Duarte. Para chegar ao Distrito de Conceição de Ibitipoca são mais 27Km de estrada de chão e, de lá, mais 4 Km até a portaria do parque.


Ofertas


Sobre o Autor

has written 4495 stories on this site.

Webmaster do Portal Carangola. admin@portalcarangola.com

Escreva seu comentário

Gravatar são pequenas imagens que podem mostrar sua personalidade. Você porde pegar o seu gravatar grátis!

Seu nome e email serao checados,se não forem validos, seu comentário não será publicado

Seu email será CHECADO mas não será divulgado

Copyright © 2020 Portal Carangola . All rights reserved. Powered by Webmaster webmaster@portalcarangola.com