OAB Manhuaçu e Fadileste realizam palestra sobre Violência Doméstica.

Com a presença de advogados, professores e acadêmicos de direito, a palestra foi ministrada pelo juiz de direito da 13ª vara criminal de BH, Relbert Chinaidre Verly

Na noite desta sexta-feira (15), a diretoria da 54ª Subseção da OAB/MG, em parceria com a OAB/MG, Escola Superior de Advocacia e a Faculdade de Direito e Ciências Sociais do Leste de Minas (Fadileste), promoveu palestra sobre os Aspectos Práticos da Lei Maria da Penha, que completou oito anos de vigência no último dia 7. O evento foi realizado no auditório da Fadileste, em Reduto, e reuniu advogados, professores e acadêmicos de direito da região.

A mesa de honra foi composta pelo presidente da 54ª Subseção da OAB/MG, Alex Barbosa de Matos; pelo juiz de direito da 13ª vara criminal de BH e palestrante da noite, Relbert Chinaidre Verly; pelo promotor de justiça da comarca de Manhuaçu, Carlos Samuel Borges Cunha; pelo presidente da 163ª Subseção da OAB/MG, Jesus José de Miranda e pelo advogado e professor da Fadileste, Filipe Segall Tavares.

 

PALESTRA

O juiz de direito Relbert Chinaidre Verly destacou vários pontos positivos da Lei 11.340/2006 (Lei Maria da Penha), dentre eles, a quebra do silêncio das mulheres vítimas das mais variadas formas de abuso e violência. “Hoje as mulheres se sentem seguras para denunciar seus agressores. Elas contam com uma série de medidas protetivas que visam repelir as injustas agressões. Além disso, o Tribunal de Justiça de Minas Gerais e outros órgãos do Estado têm implementado ações de acompanhamento psicossocial tanto da vítima, como do agressor. Também existe o monitoramento dos agressores, através de tornozeleiras eletrônicas, a fim de evitar que se aproximem das vítimas, enquanto perdurar as medidas protetivas”, citou.

O palestrante aproveitou a oportunidade para destacar a sua experiência como magistrado da vara especializada em violência doméstica de BH. Durante a palestra, ele foi ovacionado pela plateia que acompanhou atentamente as suas explanações. Relbert Verly que se fazia acompanhado de sua esposa, fez questão de registrar também a sua trajetória de vida, marcada por lutas, desafios e muita fé em Deus. Ele procurou demonstrar aos acadêmicos a importância de ser persistente na busca de seus ideais. “Cada um de nós podemos fazer a diferença. Basta apenas que desejemos isso e que entreguemos as nossas vidas nas mãos de Deus”.

AGRADECIMENTOS

Segundo o presidente da OAB Manhuaçu, Alex Barbosa de Matos, o palestrante Relbert Chinaidre Verly ministrou muito mais que uma simples palestra sobre a Lei Maria da Penha. “Cristão que é, o juiz Relbert demonstrou a sua vocação motivacional e evangelizadora. De forma muito humana, ele tocou no coração de cada um dos presentes à palestra, através de sua linda história de vida, revelando detalhes íntimos de sua convivência com Deus e com sua família. Várias pessoas se emocionaram com suas sábias palavras. Ficamos felizes e honrados com a sua palestra, pois ele demonstrou ser um exemplo de juiz e de ser humano, que está sempre preocupado em atender os cidadãos com atenção, sensibilidade e respeito. Sem dúvida, saímos com os ânimos revigorados e prontos para fazermos a diferença que Deus espera de nós. Esta noite foi especial e muito abençoada”, felicitou.

Alex Barbosa agradeceu a presença de todos e convidou o juiz Relbert Chinaidre Verly para realizar futuramente nova palestra em Manhuaçu.

Assessoria de Comunicação / OAB Manhuaçu

Sobre o Autor

has written 4495 stories on this site.

Webmaster do Portal Carangola. admin@portalcarangola.com

Escreva seu comentário

Gravatar são pequenas imagens que podem mostrar sua personalidade. Você porde pegar o seu gravatar grátis!

Seu nome e email serao checados,se não forem validos, seu comentário não será publicado

Seu email será CHECADO mas não será divulgado

Copyright © 2020 Portal Carangola . All rights reserved. Powered by Webmaster webmaster@portalcarangola.com