Governo de Minas autoriza volta às aulas a partir de 05/10.

A regra vale apenas para regiões e cidades que estão na Onda Verde do programa “Minas Consciente” e os municípios podem ou não aderir
    A partir do dia 5 de outubro as escolas de ensino infantil, médio e fundamental estão autorizadas a reabrirem, principalmente para planejar a retomada das aulas presenciais. A regra vale apenas para regiões e cidades que estão na Onda Verde do programa “Minas Consciente” e os municípios podem ou não aderir.
    Na rede estadual, os primeiros a retornarem as atividades presenciais são os alunos do terceiro ano do ensino médio, no dia 19 de outubro. As datas para alunos de outras series ainda não foram definidas. Já as escolas particulares e municipais, a partir de 5 de outubro, se quiserem retomar as aulas também estão autorizadas.
    Para o ensino superior, cidades e regiões que estiverem na Onda Amarela já podem retornar a partir da semana que vem. Segundo o secretário-geral, Mateus Simões, o estado não teme que a questão seja judicializada.
    A Onda Verde contempla 218 cidades, das quais 180 fazem parte do programa. Já a Onda Amarela, da qual Belo Horizonte faz parte, contempla 578 municípios – desses, 434 aderiram ao Minas Consciente. Não há nenhuma cidade na Onda Vermelha atualmente.
    De acordo com as estratégias do estado, os pais que não quiserem enviar os alunos para atividades presenciais não são obrigados. Os estudantes não levarão falta e poderão continuar estudando à distância, já que o “Se Liga na Educação” continua. Isso vale para alunos da rede estadual. Na rede municipal e nas escolas privadas, a definição sobre obrigatoriedade ou não de presença fica a cargo da administração.
    Na semana que vem serão divulgados os protocolos sanitários específicos e mais detalhes da estratégia. Ainda não há informações sobre data de termino do ano letivo, se ele vai ou não avançar para 2021, e por quanto tempo.
    O Bolsa Merenda termina a partir do mês que vem e as famílias que estão abaixo da linha da pobreza, que hoje recebem o auxílio, passarão a receber o Renda Minas, no valor de R$ 39 por pessoa da família, mesmo se os estudantes forem às atividades presenciais na escola que ofertará merenda, segundo os secretários Mateus Simões e Julia Sant’Anna.
Informação:Rádio Itatiaia / Foto: Agência Brasil/EBC

Sobre o Autor

has written 4499 stories on this site.

Webmaster do Portal Carangola. admin@portalcarangola.com

Escreva seu comentário

Gravatar são pequenas imagens que podem mostrar sua personalidade. Você porde pegar o seu gravatar grátis!

Seu nome e email serao checados,se não forem validos, seu comentário não será publicado

Seu email será CHECADO mas não será divulgado

Copyright © 2020 Portal Carangola . All rights reserved. Powered by Webmaster webmaster@portalcarangola.com