Aneel autoriza reajuste de até 18,76% em SP, ES, MG e PR

A conta de luz vai aumentar em São Paulo, Espírito Santo, Minas Gerais e Paraná. O reajuste foi aprovado nesta terça-feira (3) pela Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica). Em municípios do interior de São Paulo, Minas Gerais e Paraná o aumento será entre 0,38% a 18,76%, para indústrias e residências, em cinco distribuidoras (todas paulistas), e começa a valer a partir de hoje.
Leia também

* Custo da construção em SP sobe 0,21% em janeiro, diz SindusCon
* Inflação na cidade de SP deve desacelerar em fevereiro, diz Fipe
* Alta nas mensalidades não dá trégua em janeiro e IPC-S acelera em quatro capitais

A Companhias Jaguari, que atende os municípios paulistas de Jaguariúna e Pedreira, terá aumento de 8,67% (residências) e entre 9,76% e 10,08% (indústrias). A Companhia Sul Paulista de Energia aumentará tarifas em 8,8% (residências) e entre 12,48% e 15,85% (indústrias) nas cidades paulistas de Itapetininga, São Miguel Arcanjo, Guareí, Sarapuí e Alambari. Na CPFL Leste Paulista, o reajuste será de 7,27% (residências) e 18,76% (indústrias). A empresa atende os municípios de São José do Rio Pardo, São Sebastião da Grama, Divinolândia, Casa Branca, Itobi, Tapiratiba e Caconde – todos em São Paulo.

Para a Companhia Luz e Força Mococa o aumento autorizado foi de 4,77% (residências) e entre 0,38% a 7,78% (indústrias). A empresa atende os habitantes de Mococa (SP) e três municípios de Minas Gerais, não divulgados pela Aneel. Já a Companhia Luz e Força Santa Cruz vai aumentar 14,62% (residências) e entre 5,45% a 9,30% (indústrias) em 24 municípios do interior de São Paulo e em três do Paraná.

Segundo a Aneel, os percentuais de reajuste refletem a variação do IGP-M e o aumento da cotação do dólar, que influencia o custo de contrato de suprimento da energia de Itaipu.

No Espírito Santo, foi aprovado o reajuste para a Empresa Luz e Força Santa Maria, que atende 11 municípios, incluindo Colatina e São Gabriel da Palha. O aumento ficará entre 2,08% (residências) e 8,62% (indústrias) e começa a valer no próximo sábado (7).

Neste caso, a Aneel afirma que o aumento ocorre devido à variação de 24,25% dos encargos setoriais e a continuação dos investimentos no Programa Luz para Todos.

Ofertas: eletrodomésticosmóveis de escritório

Sobre o Autor

has written 4496 stories on this site.

Webmaster do Portal Carangola. admin@portalcarangola.com

Escreva seu comentário

Gravatar são pequenas imagens que podem mostrar sua personalidade. Você porde pegar o seu gravatar grátis!

Seu nome e email serao checados,se não forem validos, seu comentário não será publicado

Seu email será CHECADO mas não será divulgado

Copyright © 2020 Portal Carangola . All rights reserved. Powered by Webmaster webmaster@portalcarangola.com