75ª CIA Especial da Policia Militar comemora redução no índice de criminalidade violenta.

Responsável pelo planejamento e execução do policiamento nos municípios de Carangola, Faria Lemos, Fervedouro, São Francisco do Glória, Divino, Orizânia, Tombos e Pedra Dourada, a 75ª Cia Esp PM do 47º BPM, através do trabalho árduo de seus policiais militares, tem desenvolvido ações e operações de prevenção e combate à criminalidade, buscando, sobretudo, assegurar a dignidade da pessoa humana, as liberdades e os direitos fundamentais dos cidadãos.

Esse esforço, realizado em conjunto com os demais órgãos do Sistema de Defesa Social, com os Poderes Executivo, Legislativo, Judiciário e  Ministério Público, resultou numa redução expressiva no número de crimes violentos praticados nos municípios sob responsabilidade, no ano de 2009, em comparação ao ano de 2008.

Conforme ressaltou o Major PM Luiz André de Sá, Comandante da 75ª Cia Esp PM, após pesquisa no banco de dados da PM, ficou comprovado que, no período de janeiro a Dezembro de 2009, em relação ao mesmo período de 2008, houve redução de 48,48% nos crimes violentos contra a Pessoa e de 33,33% nos homicídios consumados. Os crimes violentos contra o Patrimônio foram reduzidos em 12,50% e o número de armas de fogo apreendidas aumentou em 50,91% .

Segundo o comandante, essa conquista foi possível, sobretudo, graças ao trabalho integrado que as Polícias Civil e Militar vêm desenvolvendo em todos os oito municípios, que estão divididos em três Áreas Integradas de Segurança Pública – AISP, com sedes nas cidades de Carangola, Divino e Tombos. Através de um monitoramento conjunto do comportamento do fenômeno criminal, foi possível otimizar esforços nos trabalhos de investigação, ações e operações policiais, unindo forças na busca da melhoria na prestação de serviços às diversas comunidades.

Para que todo esse esforço não seja em vão, cada cidadão precisa colaborar efetivamente com a melhoria da segurança em suas comunidades, através de participação dos esforços de prevenção primária da criminalidade, criando Conselhos Comunitários de Segurança Pública – CONSEP e outras iniciativas e parcerias que busquem, em conjunto com os Órgãos de Defesa Social, identificar, priorizar, analisar e resolver problemas de segurança pública locais. Certamente, um dos grandes passos para reduzir o crime e a desordem é a parceria POLÍCIA E COMUNIDADE.

Na medida em que o cidadão toma consciência de sua importância e responsabilidade nesse contexto, facilita o trabalho da polícia e dificulta a ação dos criminosos, que encontram cada vez mais resistência para se estabelecerem nas comunidades em que vivem. A crença da Polícia é que essa consciência de cidadania participativa deve ser trabalhada principalmente na infância e juventude. O PROERD – “Programa Educacional de Resistência às drogas e à violência” e o JCC – “Jovens Construindo a Cidadania” são provas de que isso é possível. Nestes últimos anos, centenas de crianças e adolescentes de nossas cidades passaram por essas experiências e certamente se transformarão em cidadãos responsáveis, participativos e úteis em suas comunidades.

Com a qualificação de mais policiais militares e civis nos Cursos de Promotores de Polícia Comunitária, a previsão é de que, além do PROERD e o JCC, outros Programas e Projetos de Polícia Comunitária, como a “Rede de Vizinhos Protegidos”, patrulhamento Rural e Campanhas de “Auto-Proteção”,  possam ser ainda mais intensificados nas cidades que compõem a Subárea da 75ª Cia Esp PM, esforços que somente terão sucesso se tiverem a efetiva participação das comunidades locais.

Ofertas

Sobre o Autor

has written 4496 stories on this site.

Webmaster do Portal Carangola. admin@portalcarangola.com

Copyright © 2020 Portal Carangola . All rights reserved. Powered by Webmaster webmaster@portalcarangola.com