CMDCA oferece capacitação para Conselheiros Tutelares.

Os Conselheiros Tutelares de Manhuaçu e de cidades e comarcas da região, eleitos no último mês de outubro, participam nesta quarta, 30, e amanhã, quinta-feira, de um encontro de capacitação no salão de reuniões da Igreja Presbiteriana, no Centro.

A iniciativa, que conta com palestra para esclarecimento de dúvidas dos participantes, é do Governo de Manhuaçu, por meio da Secretaria de Trabalho e Assistência Social e do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente – CMDCA. O prefeito Nailton Heringer fez a abertura dos trabalhos juntamente com o secretário de Trabalho e Assistência Social, Macilon Breder.

Participam do Encontro de Capacitação para Novos Conselheiros Tutelares e Rede de Atendimento, cerca de 60 pessoas. Além de representantes do CMDCA de Manhuaçu, estão presentes os conselheiros tutelares do município e de outras dez cidades da região.

Para a presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Manhuaçu, Maria de Fátima Mayrinck, a realização da capacitação visa esclarecimentos sobre a atribuição dos Conselheiros Tutelares. “A atribuição deles estava virando uma atribulação porque eles não tinham conhecimento de como trabalhar, sem contar os vícios antigos do que os conselheiros faziam e que não era papel dele, mas que estava já incutido no trabalho” – afirmou Maria de Fátima.

Para a realização da capacitação foi buscada uma pessoa especializada no assunto. O advogado e especialista na área da infância e adolescência, Jesus dos Santos, é o Coordenador do Fórum Mineiro de Conselhos Tutelares. Ele saiu do Sul de Minas para participar da capacitação dos conselheiros, repassando esclarecimentos sobre o papel deles perante a sociedade.

DIREITO VIOLADO E AMEAÇADO

O Encontro de Capacitação para Novos Conselheiros Tutelares e Rede de Atendimento, que no primeiro dia abordou deveres e legislação, prossegue ainda amanhã, quinta-feira, 31. No segundo dia será aprofundada a capacitação em torno da atribuição do Conselho Tutelar e o seu funcionamento.

Segundo Maria de Fátima Mayrinck, o Conselho Tutelar não trabalha com um cronograma pronto. “A gente trabalha com o direito violado e ameaçado, então nada é avisado com antecedência que um pai ou uma mãe vai fazer uma violação de direito” – pontuou. “Por isso nesta quinta-feira nós vamos aprofundar o trabalho esclarecendo como atender criança e adolescente quando têm o direito ameaçado ou violado” – concluiu.

Secretaria de Comunicação Social de Manhuaçu

Sobre o Autor

has written 4397 stories on this site.

Webmaster do Portal Carangola. admin@portalcarangola.com

Escreva seu comentário

Gravatar são pequenas imagens que podem mostrar sua personalidade. Você porde pegar o seu gravatar grátis!

Seu nome e email serao checados,se não forem validos, seu comentário não será publicado

Seu email será CHECADO mas não será divulgado

Copyright © 2019 Portal Carangola . All rights reserved. Powered by Webmaster webmaster@portalcarangola.com